Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Esta princesa precisa de uma casa...

por Bad Girl, em 04.03.10

Vá, não se acanhem. O meu mail está ali ao lado. Levem-na para casa (também há meninos parecidos).

 

*Update*: ninhada de 9 (5 meninos e 4 meninas), de 07 de Fevereiro. São do mais puro streetdog europeu e serão de porte médio (+/- 25 quilos). Vá cheguem-se à frente tipo... já!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Questionário (abreviado) de Proust

por Bad Girl, em 17.02.10

A Passaroca lançou o desafio via Facebook e eu aceitei. Não obstante o desafio não me incluir. Aliás, essa terá sido a razão para eu aceitar o dito, parece-me. A explicação está aqui muito direitinha, favor consultar. As perguntas e respostas estão aqui:

1. Qual a tua palavra favorita? Eu.
2. Qual a palavra que menos gostas? Inverno.
3. O que te excita? A vida.
4. O que te esmorece? Frio.
5. De que barulho ou som gostas mais? Jackpot de slot machines.
6. Que barulho ou som mais detestas? Gatas com cio e putos a berrar (não consigo escolher um).
7. Qual o teu palavrão favorito? Fod@-se!
8. Que outra profissão, além da tua, gostarias de ter? Actriz.
9. Que profissão não gostarias de ter? Coveira.
10. Se o Céu existe, o que gostarias que Deus te dissesse quando chegares aos Portões Dourados? Se me deres a Nespresso deixo-te voltar...
 

Pronto, fico então à espera das avaliações ao meu estado psicológico.  

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Movimento BOBA

por Bad Girl, em 10.01.09

 

O movimento Bloggers Okupas de Blogues Alheios (aka BOBA) teve início no passado dia 08 de Janeiro, neste post. Até essa data só tínhamos chafurdado no blog do Ervi e no do Alf.

A invasão não tem regras nem critérios. Tomamos de assalto uma caixa de comentários (de um post recente e ao calhas) e temos conversas absolutamente estúpidas, até pela falta de rapidez na actualização dos mesmos. Há conversas sem sentido nenhum e conversas sem qualquer sentido. O núcleo somos nós (decidimos qual o blog a invadir e damos o pontapé de saída), mas toda a gente é bem vinda. Nunca queremos deixar uma caixa com menos de 100 comentários. Tudo isto também para informar que as actualizações de cada invasão estarão afixadas neste blogue enquanto a invasão estiver a acontecer. Acredito que, à medida que os dias forem aquecendo, a coisa vai abrandar o ritmo. Afinal, a minha vida não é isto. Já a dos outros dois cavalheiros...

Por isso, vão aparecendo. The more the merrier.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Era só o que me faltava

por Bad Girl, em 19.11.08

É assim: ele diz que é para responder a um desafio, e que tem regras, que estão aqui.

 

É para por uma fotografia minha (parece que é de corpo inteiro e em nu, por isso vão ter de esperar até eu arranjar um fotógrafo à altura) e para passar a não sei quantas pessoas. Dá muito trabalho. A parte de responder às questões com músicas, que é a única que vou fazer, deixou-me o coração dividido. De um lado, Rufus Wainwright. Do outro, Tony Carreira. Para cada pergunta, duas respostas.

 

1) És homem ou mulher? "Damn Ladies"; "Dona de mim"

 

2) Descreve-te: "I wonder what became of me";  "Morena bonita"


3) O que as pessoas acham de ti? "Evil Angel"; "O que eu gosto numa mulher"


4) Como descreves o teu último relacionamento: "Imaginary Love" "Adeus até um dia"

 

5) Descreve o estado actual da tua relação: "I'm not ready to love" "Amor a três"


6) Onde querias estar agora? "Rainbow Crossing"; "Comboio do amor"


7) O que pensas a respeito do amor? "Nobody's off the hook"; "Não procures mais"

 

8) Como é a tua vida? "Ups and downs" "Ai destino ai destino"


9) O que pedirias se pudesses ter só um desejo? "Instant pleasure"; "A vida que eu escolhi"

 

10) Escreve uma frase sábia: "Release the stars"; "O meu pai dizia assim"

Autoria e outros dados (tags, etc)

O Natal dos outros

por Bad Girl, em 07.11.08

A Mafalda, Loira nada distraída, lembrou no seu Blog a Campanha “Um presente cheio de Natal”, da TMN, da Imaginarium e da Cáritas, que eu aproveito para divulgar também aqui.

 

Toca a fazer caixinhas, e acabar com a passividade de achar muito bem estas campanhas e esquecer tudo daqui a cinco minutos, de fazer FWD de e-mails que divulgam estas acções e achar que é só o que se pode fazer. De criticar os que nada fazem para levar este País para a frente. De abanar a cabeça quando se lê nos jornais mais sobre as desgraças do País. Eu prometo que vou por aqui a foto da minha caixa. Porque não sou só uma thinker, sou também uma doer.

Quem alinha? 

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por Bad Girl, em 26.05.08
Aqui há uns tempos o Sadeek fez-me um desafio. Queria saber os meus ódiozinhos de estimação. Ao princípio pensei pendurar a coisa no armário do esquecimento. Afinal, ninguém no seu perfeito juízo quer saber os ódiozinhos de alguém que tem etiquetados 207 posts com "Mau feitio" e 44 posts com "Embirrações". Depois pensei melhor. Afinal, ódiozinhos não são ódios. São coisinhas que me irritam, que estão a meio do caminho entre o ódio verdadeiro e a mera embirração. Cá estão alguns dos quais me consigo lembrar agora. Há mais. Certamente que há mais. Enquanto houver outras pessoas no Mundo, certamente haverá sementes para ódiozinhos de estimação. Cá vão alguns, sem explicação. Quem segue este blog com moderada atenção não precisa de explicações para nada destas coisas que eu vou enumerar:
- Despertador.
- Gente que quer e não pode.
- Gente que pode e não quer.
- Gente burra.
- Gente armada em esperta.
- O Scolari, o Ricardo e o Nuno Gomes (estes não merecem um item cada um)
- Criancinhas em idade de chorar a plenos pulmões, no mesmo avião que eu.
- Falsos moralismos.
- Os empatas da faixa do meio nas autoestradas.
- Gente passiva: que não vota, que não acha, que não opina, que não sabe, que não diz.
- Os anónimos da vida.
- Pessoas que fazem de tudo para subir na vida, inclusive descer bem baixinho...
- Desafios...
E, como sempre, o desafio fica bloqueado. Que dê seguimento quem quiser, que eu não arrasto ninguém para estas coisas... That's the way... hamm... hamm... I like it...

Autoria e outros dados (tags, etc)

15 Concertos

por Bad Girl, em 03.04.08

Concertos... o Alf quer que eu fale de concertos... os 15 mais marcantes. Comecei por pensar que ia ser difícil lembrar-me de 15. Até que comecei a fazer uma lista e dei comigo a contar mais do dobro. Não sou muito dada a concertos, mas já fui. Hoje em dia, que estou com algumas tendências agorafóbicas, meter-me num local com tanta gente já não me puxa tanto. Tenho de prever que vai ser algo de extraordinário. Curiosamente, foi dos concertos para os quais levava menos expectativas que trouxe as melhores experiências. O facto de ter facilidade em conseguir bilhetes grátis leva-me a ir ver artistas e bandas que normalmente não ouço. Mas não vou divagar (muito) mais, cá estão eles. Como não gosto muito de fazer listas, explico também porque me marcaram:
Prince @ Alvalade, há muito, muito tempo. O primeiro concerto da minha vida, e o único que paguei. Tinha aí uns dezasseis anos e fiz uma birra para ir. O gajo deu-nos uma seca monumental. Mas valeu cada minuto de espera. Guardo saudades de um local que fechou, o Hard Club. Lá vi a energética Manuela Azevedo (Clã) e os originais Blasted Mechanism. Ambiente inigualável. O que mais me surpreendeu, arrisco-me a dizer que foi o melhor concerto a que assisti, foi Jamiroquai, no Pavilhão Atlântico. E eu, que nem um CD tenho deles... Como os sítios também marcam, Coldfinger, no Theatro Circo. Mais para norte também, e só porque eles são uns senhores e não consigo desligar uma coisa da outra, Scorpions, em Guimarães. Lá para lados dos festivais, Peter Murphy (um senhor!) e Arcade Fire (a melhor surpresa do ano!) em Vilar de Mouros. Nesse mesmo ano, Vincent Gallo (cujo atributo que eu melhor lhe conhecia era... bem, o "brown bunny") em Paredes de Coura. E claro, chegamos ao Coliseu, palco de "todos" os concertos: Smashing Pumpkins (diziam que era o último), Placebo (a companhia... inesquecível) Djavan (um bom palco) Gotan Project (imparáveis) Elvis Costello (marcante). Só fica a faltar a corrida a Coimbra para (mais) uma falsa promessa de fim de carreira dos Rolling Stones.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ora porra e mais os desafios...

por Bad Girl, em 01.04.08
Foto minha

Agora é a diabo.
Quer saber porque tenho um blog.
Diz que há regras. Quem quiser sabê-las que as encontre aqui. Não sou muito dada a regras. So sorry. Eu não vou pôr-me a elaborar textos complexos. Afinal, se não me perdi nas contas, este é o enésimo quinto post que escrevo hoje. E a inspiração, junto com a frescura de ideias, esvai-se. Por isso, plain and simple, tenho um blog porque me apetece. E porque, sempre que posso, faço o que me apetece. Feito.
Falta o desafio do Alf. Parece que quer saber 15 concertos que me marcaram. Já consegui reduzir a 24. Vou tirar os 9 que sobram e logo voltarei à carga.
Bem hajam (hoje disseram-me isto e eu achei tão posh que me apeteceu repetir)!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Seis filmes

por Bad Girl, em 09.12.07

A (menina) Lasciva atirou-me com o desafio mais difícil de sempre... escolher os meus seis filmes preferidos. Depois do pânico, decidi impor-me alguns critérios, para poder avançar. Primeiro, têm de ser filmes que eu tenha visto no cinema. Filmes visionados em vídeo ou DVD, ainda que projectados num belo LCD não podem ser considerados. Tarefa facilitada? Nem por isso. Deixou de fora algumas pérolas como Blue Velvet, ou Vertigo, mas não se pode ter tudo. Eu confesso que me foi muito complicado escolher só seis, e como sou uma revolucionária nestas coisas dos desafios, arranjei três suplentes. E designei os meus seis mais por ordem cronológica...

»Pulp Fiction Quentin Tarantino (1994)
I thought it was just a cold-blooded thing to say to a motherfucker before you popped a cap in his ass. But I saw some shit this mornin' made me think twice.

» Trainspotting, Danny Boyle (1996)
I chose not to choose life. I chose somethin' else. And the reasons? There are no reasons. Who needs reasons when you've got heroin?

»Magnolia, Paul Thomas Anderson (1999)
Things fall down. People look up. And when it rains, it pours.

» Amores Perros, Alejandro Gonzalez Iñarritú (2000)
You know what my grandmother used to say? If you want to make God laugh... tell Him your plans.

»Cidade de Deus, Fernando Meirelles (2002)
Lute e você não sobreviverá... Fuja, e você não irá escapar.

» The Eternal Sunshine of the Spotless Mind, Michael Gondry(2004)
I already forget how I used to feel about you.


Suplentes:
»Gato preto, gato branco, Emir Kusturika (1998)
Crna macka, beli macor

» Lost in Translation, Sofia Coppola (2003)
Let's never come here again because it will never be as much fun.

» Crash, Paul Haggis (2004)
You think you know who you are. You have no idea.

E pronto. Ficou muito por dizer, muitos filmes de fora... mas é assim, nenhuma escolha é fácil.
Passo então o desafio (é assim: eu sofro, alguém mais sofre comigo):
Ervi, Diaba, Atractor, Nani, Insaciável, L'Etranger.

Autoria e outros dados (tags, etc)

As verdades são para ser ditas!

por Bad Girl, em 03.12.07
E, quanto isto aqui, como prometido, os meus esclarecimentos:
1 - Mentira. Grande. Enorme. Nunca. Criança atípica, é verdade. Os meus pais nunca se preocuparam muito. Acharam que, com o tempo, me passava. Até ao dia em que perceberam que já não valia a pena preocuparem-se, porque já não ia a tempo de mudar.
2 - Verdade, verdadinha. Como é óbvio, pela localização da tatuagem. Por algumas fotos que tenho espalhadas pelo blog. E porque são lindas.
3 - So true. E basta ler o blog. Aqui acho que ninguém falhou.
4 - Verdade. Já ajudei mesmo. E só ajudei porque ele é um querido.
5 - Pois, mais uma certinha. A mais falhada. Já apareceu sim senhores, e eu só sei disso porque as mães das minhas amigas têm muito tempo livre...
6 - A última verdade. Foi aos 20, e foi muito a tempo.
7 - Falso. Enganei pouca gente com esta. Aliás, nunca vi o filme até ao fim. Tento todos os natais, mas adormeço sempre.
8 - Falso. Livra! Nunca. Mas nunca mesmo.
9 - Não é verdade. Foi um bocadinho mais. Mas, o que é que querem? Eu era nova, não pensava...
10 - Não. Ao contrário. Fico totalmente apática, sem reacção. E ainda bem. Porque tenho mais tempo para maturar uma vingança.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Ao contrário da maior parte das pessoas, não vou pôr-me com falsas modéstias: sou gira, sou inteligente, sou interessante. Mas também sou Má... como todas as mulheres, não é? Como perceberão com as leituras, e como este é um reflexo de mim, naturalmente tenho um blog bipolar!

 

Algo a dizer? BAD MAIL

badgirlsgoeverywhere (arroba) gmail.com

Bad face

Bad Girls go Everywhere - Blog

Promote your Page too

Importa lembrar, sempre


www.freetibet.org


(nem sempre consigo creditá-las. Serão retiradas se alguém se sentir lesado)

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

(de borla, pelo menos...)

From Geek in Pink




Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.