Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Antigamente...

por Bad Girl, em 07.11.11

Antigamente eu mandava aí uns 40 postais de Natal para familiares e amigos. O maior prazer estava em escolhê-los. Escrever os 10-12 primeiros também era bom. Depois passava-me a pica e eu começava a fazer aquilo por birra, até que já saiam todos a soar ao mesmo (e a falso). Invariavelmente, na volta do correio, uns míseros 8 ou 9 postais, sendo 3 de estabelecimentos comerciais. Passou o tempo, fugiu-me a vontade, desapareceu-me a paciência. Fosse eu a pessoa que era aí há uns 5 anos atrás, e seria uma das primeiras a alinhar nisto. Estando praticamente idosa, limito-me a divulgar a iniciativa (e a gabar-lhe a paciência!) e a recomendar: se são pessoas como eu, a quem pesa a caneta, não alinhem. É muito chato mandarmos um postal e não recebermos um de volta. Se fordes pessoas responsáveis e se gostardes de fazer o gosto à pena, entrai nesta coisa do Postcrossing, que me soa a interessante.

 

Boa acção de Natal - checked! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Maria, o sonho e a perseverança

por Bad Girl, em 11.07.11

Dream and give yourself permission to envision a You that you choose to be. - Joy Page 

 

Ela quis. Ela conseguiu.

Autoria e outros dados (tags, etc)

23 de Março

por Bad Girl, em 23.03.11

A blogosfera chora a morte da Elizabeth Taylor e menciona (quando muito) ao de leve a queda do governo do seu país. Assim é que é, as prioridades são o que quisermos fazer delas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

No que eles se foram meter...

por Bad Girl, em 25.01.11

Eu não queria dizer nada. Sou uma pessoa que não anda por aí a exibir-se, eu já fui aqui, eu já fui ali, conheço este, conheço aquele. Mas pronto, há coisas que o meu ego não me deixa esconder e eu preciso de me armar aos cucos:

Eu conheço pessoalmente um tipo que trabalha com a Maria João Nogueira. Jonas, eu cá trato-a por Jonas. Não é para todos, claro. E se o tal do Nuno Costa que escreveu o artigo acha que a o "fenómeno Ensitel"  só tomou as proporções que tomou porque a Jonas (não é para todos, já disse!) é editora dos blogs do sapo, faça-se-lhe uma vénia. Estranhamente, a Jonas já era editora dos blogs do sapo quando reclamou na Ensitel, da Ensitel, no tribunal e do tribunal, e nada lhe foi facilitado. De repente, a Jonas lembrou-se que era importante e ei-la a usar de todas as influências para criar um furacão contra a Ensitel. Imagino que outras pessoas como eu, esses tontos que apoiaram a Jonas apenas porque sim, porque era a Jonas, praise the lord, se ela dissesse "atirem-se ponte abaixo!" eu só questionaria "qual ponte?", sedentos de uma oportunidade de aparecer, tenham visto neste momento um convite à entrada para esse mundo cheio de glamour, que é o maravilhoso mundo da blogosfera VIP. Alpinistas sociais agarrados à verdadeira oportunidade das suas vidas, a acenar à Jonas, a clamar por um pouco de atenção. E a Jonas a rir-se a bandeiras despregadas enquanto pensa :"o plano resultou!". Milhares de pessoas manipuladas por um plano concretizado na perfeição. Horas passadas ao telefone, a ameaçar as mais altas patentes blogosféricas: "se não falas do meu problema, apago o teu blogue! Ah, ah, ah, ah, ah!!!!".

Oh, God, se há pessoa que gosta de falar sobre tudo sou eu, e chego mesmo a falar sobre coisas que não conheço. Mas era de pensar duas vezes antes de falar como especialista e não saber a história toda. Nem metade, a meu ver. É como ser cirurgião e operar o paciente à perna errada.

 

PS - Uma vez, estava eu no fim de uma fila absolutamente gigante à entrada do concerto dos U2 e gritei ao porteiro: "Já troquei dois e-mails com a Jonas!" - remédio santo, tive direito a pulseira de acesso ao backstage, jantar, e o Bono ainda me coçou as costas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Acabo de ver o comunicado da Ensitel sobre o assunto do post abaixo. Estou em crer que a Ensitel está longe de se dever preocupar com as redes sociais e a opinião pública. O grande inimigo da Ensitel é a Ensitel.

Quem reage assim a um turbilhão de publicidade negativa ofende todos os bons profissionais que trabalham com competência e "fora da caixa".

À Administração da Ensitel tenho apenas a minha opinião a oferecer (não precisam de me processar, é só uma opinião...). Quando se dá um tiro no pé esquerdo não se diz: "Fod@-se, dei um tiro no pé esquerdo. E isto está a sangrar muito, o que é que eu faço? Já sei, vou dar um tiro no pé direito, só para ensinar ao pé esquerdo quem manda aqui!"

Este comunicado, tirado da página de FB da Ensitel, merece um enorme e barulhento: Duh!

 

A Ensitel, Lojas de Comunicações, S.A. (“Ensitel”) está a ser confrontada com um conjunto de declarações divulgadas através das redes sociais Facebook e Twiter, decidindo por isso, apresentar o seguinte breve esclarecimento:

A “Ensitel” não põe minimamente em causa qualquer tipo ou forma de liberdade de expressão, mas repudia, rejeita e não aceita ser alvo de uma autêntica campanha difamatória, assente em factos absolutamente falsos que têm como único intuito denegrir a imagem e boa reputação que a “Ensitel” construiu ao longo de 21 anos, apenas porque o cliente não se conformou com uma decisão judicial que lhe foi desfavorável.

Nestes 21 anos de existência, os clientes têm sido e continuarão a ser o maior valor da Ensitel, garantindo a mesma, que todos os seus direitos são preservados e salvaguardados.

A Administração

 

À falta de uma reacção que demonstre respeito pela Jonas e por todos os que se insurgiram contra esta gravíssima falta de noção democrática, só tenho a dizer aos senhores da Ensitel que o vosso logótipo é a coisa mais feia que existe. Logo a seguir à vossa atitude. Passai bem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eu nunca fui a uma loja Ensitel - relato de um facto.

Não gosto do logótipo, não gosto das montras e acho toda a disposição dos produtos nas lojas por onde passei muito medíocre - opinião.

Isto é um blogue - facto.

 

No meu blogue eu estou a relatar um facto sobre a Ensitel e a dar a minha opinião pessoal sobre a minha (pequena) experiência com a tal da marca. Feio. Logótipo mais feio do que aquele não há. 

 

Ora o que eu estou a fazer não é diferente daquilo que fez a Jonas, no blogue DELA sobre a lamentável experiência que teve com a ENSITEL (a do logótipo feio). O problema é que os senhores da Ensitel não gostaram. E, como ainda deve haver quem ache que vivemos no pré 25 de Abril (eu compreendo, os senhores da Ensitel acham que, se o PM pode censurar a liberdade de expressão, eles também podem) soltaram os advogados em cima da Jonas que, ora fod@-se, teve a ousadia de querer trocar um telemóvel avariado! Rai's partam estes consumidores, porra. Está avariado, olha, come e cala. Mete esse para canto e compra outro. Na Ensitel, claro.

 

E isto fica por aqui? Não, não fica. A Jonas foi intimada a tirar os posts que denigrem (ah-ah-ah-ah-ah, não me façam rir, que me faz doer as costas!) a imagem da Ensitel. Pois bem. O problema da Ensitel é que está longe de imaginar o quão vasta e (quando quer) solidária é a blogosfera. Uma previsão assim por alto sobre o número de bloggers que vão falar e expor o assunto ATÉ À EXAUSTÃO: muitos. A injustiça é uma coisa que, parecendo que não, chateia as pessoas com carácter. Mas não fiquem tristes. Há aquela frase de  Brendan Behan que diz "there is no such thing as bad publicity". Esta é a parte conhecida. Poucas pessoas sabem que ela termina com um "except your own obituary."

Autoria e outros dados (tags, etc)

Do preconceito da moda

por Bad Girl, em 28.07.10

Tenho sentido, ao ler alguns blogues, que agora deve ser moda a criação de anticorpos a homens divorciados. E se tiverem filhos? Ui, melhor nem sequer falar no assunto. Parece que os homens divorciados E com filhos são o equivalente a apanhar sarna. Que horror. Um dia estamos muito bem nas nossas vidas de solteiras, só festas e animação, e depois chega o cabrão do divorciado mais as crianças, e estragam tudo. Invadem a vida das pessoas, matam qualquer possibilidade de alegria que poderíamos vir a ter. A menos que ainda se sonhe com uma entrada apoteótica na igreja, não percebo qual é o problema dos homens divorciados. É terem uma ex-mulher? E os outros? Não têm ex-namoradas? E as crianças? Mulheres adultas, resolvidas com a vida, inteligentes, olham para os putos como se estes fossem personagens do "Poltergeist"? Têm medo de crianças? Porquê? Não se lhes pode dar um grito ou um par de estalos? O que me parece é que há um pequeno detalhe que as pessoas alérgicas a divorciados (com ou sem filhos, não importa) estão a deixar para trás: chama-se amor. Ou paixão. As relações são feitas apenas e só por duas pessoas. Podem ter interferências externas? Podem. O mais certo é que venham a ter. Pode haver miúdos insuportáveis que se acham donos do pai e que vão tentar fazer-vos a vida negra? Pode. Isso é altamente provável. Pode haver uma ex-mulher que vos persiga com a intenção de vos afastar? Pode. É possível que haja. A minha amiga M. teve de contratar 3 seguranças para permanecerem à porta de igreja, no dia do casamento. Tudo por causa da ex-namorada do P. que, depois de lhes invadir a casa e de furar os pneus do carro dele, ainda foi para a porta da Conservatória gritar que os matava. Para cenas de faca e alguidar não é preciso haver uma ex-mulher. Só alguém com pouco carácter. Já para ser preconceituoso, só é preciso ter uma mentalidade tacanha. E bullshit

Autoria e outros dados (tags, etc)

Da pequenez da alma humana - tomo II

por Bad Girl, em 14.07.10

Neste post do Pipoco há uma Maria (anónima, como convém), que acha graça ao "Mundo bloguista" (WTF?). A Maria acha que as pessoas devem meter-se na "vidinha" delas e deixarem os outros viverem as deles. O que é giro é que a tal da Maria (anónima, como convém), lê blogues (pelo menos um). Parece-me que isso não é só meter-se na própria "vidinha"...

 

Há gente que não sabe estar sossegadinha!...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Do putedo...

por Bad Girl, em 13.07.10

Da puta da blogosfera. A haver textos perfeitos, este seria um deles.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Post cheio de ideias copiadas

por Bad Girl, em 12.07.10

(mas com os devidos créditos, claro)

Quando a Alexandra falou disto, eu resisti e não espreitei. Depois a Kitty Fane também referiu o assunto. Ainda assim, não fui ver. A Kitty Fane fez um post ilustrado da coisa e foi mais forte do que eu. Vi aí umas 60 candidatas e estou em posição de dizer:

 

Amigas candidatas a Miss MaxMen 2010,

Eu sei que o título a concurso é uma coisa que está assim para o sonho de uma vida. Compreendo que algumas das meninas vão ao fotógrafo gastar uma pipa de massa numa sessão para fazerem a coisa direito. Não compreendo que algumas das meninas vivam em pocilgas e não tenham tempo, sequer, de dar um jeitinho à casa antes de fazer algo como tirar fotografias vestidas de putéfias. Fazer beicinho, per se, não é sexy. Mostrar o rabo, per se, não é sexy. Saltos altos e tanga, per se, não é sexy. Se querem ir para o meio do mato fazer uma sessão fotográfica, ficarem cagadas de lama e folhas, não é sexy. Quem vos disse que sucatas e casas abandonadas são sítios onde podem andar de lingerie, enganou-vos. Quem não estabeleceu regras/ limites para este concurso e aceita candidatas com idade para serem mães de pessoas da minha idade ou com ar de quem é minha filha, devia ser espancado brutalmente por três senegaleses. Quem não se lembrou de escrever nessas regras que pessoas que já foram homens não podem concorrer, devia ser sodomizado pelos mesmos três senegaleses. Ainda assim, estou a pensar imprimir as fotos de cara de meia dúzia das concorrentes. Aproveitando uma ideia da Mafalda, partilhada à cause de outra pessoa, vou colocá-las em todos os sítios onde guardo comida. A ver se não é desta que eu volto a vestir o 34!

 

E não, não sou perfeita. Estou longe de ser uma mulher de sonho e não vou ao encontro dos padrões de beleza que a sociedade estabeleceu. Não haveria possibilidade de eu ganhar, sem alguns encontros com o bisturi, o concurso que refiro. Mas há uma coisa que eu tenho e que, a julgar pelas fotografias, pelo menos metade destas miúdas não tem: noção. Praise the Lord!  

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Ao contrário da maior parte das pessoas, não vou pôr-me com falsas modéstias: sou gira, sou inteligente, sou interessante. Mas também sou Má... como todas as mulheres, não é? Como perceberão com as leituras, e como este é um reflexo de mim, naturalmente tenho um blog bipolar!

 

Algo a dizer? BAD MAIL

badgirlsgoeverywhere (arroba) gmail.com

Bad face

Bad Girls go Everywhere - Blog

Promote your Page too

Importa lembrar, sempre


www.freetibet.org


(nem sempre consigo creditá-las. Serão retiradas se alguém se sentir lesado)

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

(de borla, pelo menos...)

From Geek in Pink




Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.