Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Grata pelo apagão!

por Bad Girl, em 04.04.11

 

Só assim poderei citar tão apropriadamente Samuel L. Jackson (ou Jules Winnfield, já disse que confundo actores e personagens) que, por sua vez, cita a Bíblia (Ezequiel 25:17):

"The path of the righteous man is beset on all sides by the iniquities of the selfish and the tyranny of evil men. Blessed is he who, in the name of charity and good will, shepherds the weak through the valley of darkness, for he is truly his brother's keeper and the finder of lost children. And I will strike down upon thee with great vengeance and furious anger those who would attempt to poison and destroy My brothers. And you will know My name is the Lord when I lay My vengeance upon thee."

Quando, no post anterior, eu dizia que o SLB devia fazer tudo para resguardar a sua honra, acrescentei de "forma honesta". Apagar as luzes é de uma falta de classe, de noção do ridículo, e de fair play incomensurável. Porque não adianta apagar as luzes, quando não conseguem anular o brilho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Está uma pessoa uns míseros três dias fora do país, para perceber que o mesmo se transformou numa ditadurazinha mal amanhada. Quando eu saí, no princípio da semana, a coisa "só" estava à deriva, sem governo que tomasse conta. Quando regresso, dou de caras com a notícia do ano: o Benfica quer proibir festejos do título, que o Porto eventualmente poderá ganhar, na Luz. Se me perguntarem a mim, que sou uma pessoa com um mínimo de racionalidade, eu direi que sim, que o Benfica deve lutar com unhas e dentes dentro do campo para que o Porto não celebre o campeonato na Luz. Deve deitar o coração pela boca, se for preciso. É uma questão de honra. E a honra preserva-se a qualquer custo, desde que de forma honesta. Proibir bandeiras, faixas e demais formas de manifestação de alegria não trará ao Benfica o silêncio dos adeptos "rivais", caso o Benfica não consiga cumprir a sua missão em campo. Porque as pessoas cantarão enquanto tiverem voz. Gritarão com o coração na boca, se for preciso. Infelizmente, este tipo de atitudes apenas fará com que os cânticos e os gritos de alegria cheguem somente para celebrar uma possível vitória. Mas não creio que sirva para outra coisa que não agitar as já tsunamisadas águas.

 

O título, parte de um poema de João Roiz de Castelo-Branco, foi uma forma de conseguir dar algum nível ao conteúdo do post, já que o assunto é de tal forma rasteiro, que não há poema do Cancioneiro Geral que o eleve. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 4/4



Mais sobre mim

foto do autor


Ao contrário da maior parte das pessoas, não vou pôr-me com falsas modéstias: sou gira, sou inteligente, sou interessante. Mas também sou Má... como todas as mulheres, não é? Como perceberão com as leituras, e como este é um reflexo de mim, naturalmente tenho um blog bipolar!

 

Algo a dizer? BAD MAIL

badgirlsgoeverywhere (arroba) gmail.com

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D