Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




(e a todas as outras que fazem o mesmo, porque se há coisa que há por aí em excesso é gente porca)

Tenho o prazer de vos apresentar:

 

O Piaçaba!

 

É verdade. E este nem é dos mais bonitos, acreditem. Se vocês se dessem ao trabalho de tirar o piaçaba que está ao lado da retrete quando vão defecar (evitei o palavrão, que linda!) para o usar para limpar a porcaria que deixam, talvez estivessem mais familiarizadas com o objecto.

 

Pronto, têm razão, o nome é feio. Ninguém quer dizer que pegou no piaçaba. Tudo bem. Eu chamo-lhe "vassourinha", se isso vos fizer sentir melhor, é favor procederem à troca do nome. Mas não deixem de o usar. Primeiro, porque as pessoas que trabalham na limpeza desses espaços não deviam ter de limpar a merda que vocês deixam para trás. Depois, porque quem vai a seguir também não tem de aturar essa mesma merda. E, principalmente, porque não fazem isso em casa. De certeza. Quase de certeza. Pronto, provavelmente. Gente porca, benzádeus. São as mesmas que monopolizam os espelhos a cada 2 horas para retocar o blush. E que andam sempre de unhas muito pintadas, e que têm sempre qualquer coisa de mal para dizer sobre os outros. 

Recapitulando: nas casas-de-banho públicas, naquela parte isolada onde se vai deixar qualquer coisa que cheira mal, não há elementos decorativos. A descarga, vá-se lá imaginar, usa-se. É verdade. Os sacos que estão lá, embora fiquem giros, não são para decorar. Não. São para pôr pensos higiénicos. E aquele balde tão giro? Fica lá bem, não fica? Mas é para pôr pensos usados, veja-se só a inovação! Não é só chegar, cagar e andar. Não, minhas senhoras. É preciso não serem porquitas. Estamos combinadas?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Ao contrário da maior parte das pessoas, não vou pôr-me com falsas modéstias: sou gira, sou inteligente, sou interessante. Mas também sou Má... como todas as mulheres, não é? Como perceberão com as leituras, e como este é um reflexo de mim, naturalmente tenho um blog bipolar!

 

Algo a dizer? BAD MAIL

badgirlsgoeverywhere (arroba) gmail.com

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D