Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




...

por Bad Girl, em 23.04.14
Não tenho nada contra polícias. Dito isto, acrescento que também não tenho nada a favor. Tenho amigos polícias, dos quais gosto, apenas porque são meus amigos e não porque são polícias. Tenho respeito pela profissão, não na medida do extraordinário, apenas na medida do normal. Terei precisado de polícias umas três ou quatro vezes em toda a vida. Nem sempre estiveram à altura das minhas expectativas. E as expectativas não eram por aí além. Apresentado o 'disclaimer' inicial, devo dizer que não sei se ria, se chore com esta nova decisão dos polícias portugueses. Na dúvida, vomito. Sempre é calorias que me abandonam. Então os polícias lusos decidiram reclamar dos cortes e da política do governo. Não podia estar mais de acordo, isto está uma merda, todos merecemos melhor, vamos lá reclamar, senhores agentes de autoridade. O que vai ser? Uma subida das escadas do Parlamento? Não, parece que não. Os polícias tiveram a brilhante ideia de dar panfletos a turistas que chegam a Portugal. Brilhante, não é? Oh NASA, anda cá ver isto! Em recapitulando: Portugal está na merda. Estamos todos a pagar por isso. Os polícias também. Há algumas coisas que correm bem em Portugal, que até podem contribuir para a recuperação económica. Assim de repente, lembro-me do turismo. E o que queremos fazer aos turistas? E responde o senhor do sindicato dos polícias: assustá-los! Eu cá diria que essa é a resposta errada, mas eu não sou especialista nisso das manifestações. Mas vamos lá por partes, que isto tem de ser dissecado tanto quanto possível: diz Luís Paz (nome curioso ao nível das ironias) que "Os panfletos vão estar escritos em várias línguas e o que pretendemos é que os estrangeiros saibam as graves dificuldades pelas quais os polícias portugueses estão a passar. Aliás, queremos que saibam a forma como tratam por cá os polícias que é bem diferente da forma como os policias dos países deles são tratados e queremos que saibam ainda que isso, inegavelmente, poderá colocar em causa a qualidade do serviço prestado e da segurança interna”. Os polícias vão para o aeroporto entregar aos turistas (eu estou em crer que é preciso uma licença para dar merdas no aeroporto, mas certamente não terão dificuldades em tê-la. O sonho de qualquer administrador de um aeroporto é ter gente a afugentar-lhe a clientela) uns panfletos. Para informar os turistas da forma como os polícias são tratados em Portugal. Que é diferente da forma como são tratados nos países desses turistas. "Oh Zé, guarda os panfletos, que este voo vem da China!". E que mais? Que eles, os senhores dos panfletos, não se responsabilizam por não fazerem o seu trabalho. Que se alguém os esventrar, aos turistas, durante a sua estadia em Portugal, temos pena, mas ganhamos pouco, não podemos fazer melhor, só porque é o nosso trabalho. É isso que eu entendo, é isso que vão entender os turistas. Vai ser muito agradável.
Assim em comparando, imagino um piloto de avião a entregar, à entrada para um voo, um panfletos onde se explica descontente com as suas condições de trabalho e que, tendo isso em conta, não se responsabiliza por não o fazer da melhor forma que sabe e pode. Um "boa viagem" no fundo dos panfletos era querido.
Para além de incoerente parece-me um tiro no pé, mas disso dos tiros também não sei nada.


Mais aqui: http://www.publico.pt/sociedade/noticia/policias-vao-avisar-turistas-nos-aeroportos-que-politicas-dos-governo-colocam-em-causa-seguranca-do-pais-1633243

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Ao contrário da maior parte das pessoas, não vou pôr-me com falsas modéstias: sou gira, sou inteligente, sou interessante. Mas também sou Má... como todas as mulheres, não é? Como perceberão com as leituras, e como este é um reflexo de mim, naturalmente tenho um blog bipolar!

 

Algo a dizer? BAD MAIL

badgirlsgoeverywhere (arroba) gmail.com

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D